O Seguro de Vida é uma garantia financeira que você tem em benefício próprio ou dos seus dependentes no caso de sua falta ou impossibilidade.

O Seguro de Vida faz parte dos produtos oferecidos de um grupo de Seguros Pessoais.

O que é Seguro de Vida?

É um seguro que deve ser contratado através de uma seguradora e garante financeiramente seus familiares e/ou dependentes no caso da sua ausência.

Esta modalidade de seguro pode ter como beneficiário direto o próprio contratante em caso de invalidez, seja ela permanente ou temporária. Em caso de doenças graves, este seguro também poderá garantir sua tranquilidade financeira.

Coberturas do Seguro de Vida:


A cobertura principal é para o risco de morte que pode ser por morte natural ou acidental.

• Morte

• Invalidez por acidente

• Invalidez por doença

• Doenças graves

• Incapacidade Temporária

• Internação Hospitalar

• Desemprego e perda de renda

• Por sobrevivência – esta através de planos previdenciários

Cobertura por morte x morte acidental

A cobertura por morte garante a indenização por morte natural e acidental e o seguro por morte acidental, além de ser mais barato e poder ser contratado isoladamente e/ou de maneira complementar, cobre somente mortes acidentais, como o próprio nome já diz.

Mais um diferencial é que o seguro de vida de acidentes pessoais não tem o valor calculado com base no aumento da idade do segurado, já o seguro de vida tem seus valores atrelados ao aumento da idade do segurado e desta forma é progressivo de acordo com a idade e o aumento iminente de riscos.

Benefícios do Seguro de Vida

Os benefícios de um seguro desta modalidade é manter a segurança financeira de sua família e/ou dependentes no caso de uma fatalidade com quem mantinha as obrigações financeiras. Seja no caso de morte ou invalidez, a proteção social está estabelecida e ameniza os prejuízos financeiros que esta falta causará.

Na maioria das vezes o valor do benefício é pago de uma única vez e integralmente, podendo ser distribuído em renda vitalícia pela seguradora conforme acordo pré-estabelecido entre as partes.

Beneficiários

Quando se adquire um seguro de vida, o titular define os seus beneficiários e também o valor segurado (capital) que será o valor pago pela seguradora aos beneficiários. Sua escolha é livre e definido pelo contratante.

O prêmio será pago para os beneficiários definidos pelo estipulante que devem estar sempre atualizados perante a seguradora.

Dica:

Na falta do beneficiário estipulado 50% do prêmio será pago ao cônjuge e os 50% restantes para os herdeiros e na falta de ambos, dependentes que provarem sua dependência financeira.

Como o benefício é estipulado de acordo com o contratante e suas necessidades e expectativas, é um produto de fácil acesso para qualquer família independente da renda, mesmo as de baixa renda.

O valor do Seguro de Vida é suscetível ao inventário, em caso de morte do titular e não tem incidência de impostos, sendo liberado imediatamente.

Existem o seguro de vida individual e coletivo.

Individual:

Como o nome já diz, é o seguro de vida individual, contratado por uma pessoa física que é o responsável financeiro pelo plano e tem suas características pré-estabelecidas como idade, sexo, estado civil, profissão, vida e etc.

O preço e o prêmio é calculado com essas informações bem como vigência, capitais, forma de pagamento e etc e adaptados de acordo com as necessidades e expectativas do contratante.

Coletivo ou em Grupo:

Este seguro é contratado por uma pessoa jurídica, seja ela empresa, associação, sindicato, entidade de classe para os profissionais ou pessoas vinculadas a elas.

Todas as especificações deste seguro como condições financeiras, prêmios, reajustes e etc são definidas entre a empresa contratante e a seguradora e os integrantes são incluídos na apólice já existente através de uma proposta de adesão. Não são negociados isoladamente.

São 3 tipos de seguro coletivo:

1) Totalmente contributário:

Os segurados pagam integralmente pelo plano.

2) Parcialmente contributário:

Contratante e segurados dividem o valor do custo do plano, mediante acordo.

3) Não contributário:

O contratante é 100% responsável pelo custo do plano.

Atenção para as Não-coberturas:

• Doenças pré-existentes que não estejam na proposta inicial

• Suicídio durante a carência de 2 anos do plano

• Contaminação por radiação

• Atos ilícitos (acidentes ou atos dolosos para recebimento do prêmio)

• LER (lesões por esforços repetitivos) / LTC (lesão por trauma continuado)

• Intoxicações alimentares ou medicamentosas

Seguro de Vida

Solicite um Orçamento

Seguro de Vida (Para Você)

Veja mais outros tipos de Seguros

Seguro Vida